Whois IANA, LACNIC, RIPE, APNIC, AFRINIC e ARIN

O WHOIS (quem) é um sistema online de consulta de informações da internet. Ou seja, através deste conseguimos identificar o proprietário (empresa ou pessoa) de um determinado endereço IP ou domínio de site.

Os sistemas WHOIS foram divididos por 5 regiões do planeta. São elas: LACNIC para Américas Central e Sul, RIPE para parte da América do Norte (Groenlândia), Europa, Oriente Médio e parte de Ásia Central, APNIC para Ásia e Oceania, AFRINIC para o Continente Africano e ARIN para quase toda a América do Norte. Digo quase, pois já vimos que a Groenlândia (América do Norte) está “atribuída” a RIPE.

Claro, temos que falar também da IANA, a coordenadora global de todas estas regionais, que mantem os códigos únicos e sistemas de numeração que são usados nas normas técnicas que dirigem a Internet. Melhorando isso. Graças a IANA e demais regionais, você consegue navegar na internet sem que seu endereço IP seja igual a de uma pessoa que esteja no outro lado do planeta; o que também não é possível devido a um conflito de endereços. A grosso modo a IANA pegou os mais de 4 bilhões de endereços IP da versão 4 e os mais de 18 quintilhões de endereços IP da versão 6 os dividiram entre as RIRs. Entre outras, esta é sim uma das tarefas mais importantes desta agência.

As divisões, seus respectivos países e um teste com um dos IPs do Google

Não convém citar os núcleos dos respectivos países para que a postagem não fique muito grande. De toda forma e, digamos que subordinado ao LACNIC, aqui no Brasil temos o NIC.br. Este é responsável por distribuir os IPs e domínios terminados “.br” para as operadoras e provedores de nosso país.

Como dito anteriormente, através de um IP ou domínio conseguimos saber seu proprietário. Antes de mais nada vamos obter um dos endereços IP que respondem ao nome de domínio google.com. Em seu prompt de comando digite ping google.com e tecle Enter. Será mostrado o IP que respondeu a solicitação. Anote-o pois vamos precisar dele.

IANA

Insira o IP obtido e clique em “Submit”.

A informação que nós precisávamos. Ele está dizendo que este bloco/endereço pertence ao ARIN. Quando chegar a vez do próprio ARIN [no post], iremos ter as informações mais detalhadas do proprietário deste endereço IP.

LACNIC

Insira o IP obtido e clique em “PESQUISAR”.

Agora sim. No LACNIC conseguimos ver o nome do proprietário, país, estado e até endereço. Não quer dizer necessariamente que o servidor esteja alocado naquele local. Mas sim, que a matriz ou filial proprietária deste endereço IP está ali.

Os 33 países/localidades subordinados ao LANIC
Argentina, Aruba, Belice, Bolivia, Bonaire, Brazil, Chile, Colombia, Costa Rica, Cuba, Curazao, Ecuador, El Salvador, Guatemala, Guyana, Guyana Francesa, Haití, Honduras, Falkland Islands (Malvinas), Mexico, Nicaragua, Panama, Paraguay, Peru, Republica Dominicana, Saba, San Eustaquio, San Martin, South Georgia and The South Sandwich Islands, Suriname, Trinidad y Tobago, Uruguay e Venezuela.

RIPE NCC

Insira o IP obtido e clique na “lupa” ao lado direito da barra de pesquisas.

O RIPE NCC já não quis saber muito. Apenas identificou o bloco e deu todos os endereços das outrar RIRs pra procurar.

Os 76 países/localidades subordinados ao RIPE NCC
Aland Islands, Albania, Andorra, Armenia, Austria, Azerbaijan, Bahrain, Belarus, Belgium, Bosnia and Herzegowina, Bulgaria, Croatia, Cyprus, Czechia, Denmark, Estonia, Faroe Islands, Finland, France, Georgia, Germany, Gibraltar, Greece, Greenland, Guernsey, Holy See, Hungary, Iceland, Islamic Republic of Iran, Iraq, Ireland, Isle of Man, Israel, Italy, Jersey, Jordan, Kazakhstan, Kuwait, Kyrgyzstan, Latvia, Lebanon, Liechtenstein, Lithuania, Luxembourg, The Former Yugoslav Republic of Macedonia, Malta, Republic of Moldova, Monaco, Montenegro, Netherlands, Norway, Oman, State of Palestine, Poland, Portugal, Qatar, Romania, Russian Federation, San Marino, Saudi Arabia, Serbia, Slovakia, Slovenia, Spain, Svalbard and San Mayen Islands, Sweden, Switzerland, Syrian Arab Aepublic, Tajikistan, Turkey, Turkmenistan, Ukraine, United Arab Emirates, United Kingdom of Great Britain and Northern Ireland, Uzbekistan e Yemen.

APNIC

Insira o IP obtido e clique na “Search”.

Também trouxe informações interessantes. Bloco, país estado e cidade e endereço.

Os 56 países/localidades subordinados ao APNIC
China, Democratic People’s Republic of Korea, Hong Kong Special Administrative Region of China, Japan, Macao Special Administrative Region of China, Mongolia, Republic of Korea, Taiwan, French Southern Territories, Australia, New Zealand, Norfolk Island, Fiji, New Caledonia, Papua New Guinea, Solomon Islands, Vanuatu, Federated States of Micronesia, Guam, Kiribati, Marshall Islands, Nauru, Northern Mariana Islands, Palau, American Samoa, Cook Islands, French Polynesia, Niue, Pitcairn, Samoa, Tokelau, Tonga, Tuvalu, Wallis and Futuna Islands, Afghanistan, Bangladesh, Bhutan, British Indian Ocean Territory, India, Maldives, Nepal, Pakistan, Sri Lanka, Brunei Darussalam, Cambodia, Christmas Island, Cocos and Keeling Islands, Indonesia, Lao People’s Democratic Republic, Malaysia, Myanmar, Philippines, Singapore, Thailand, Timor-Leste e Viet Nam.

AFRINIC

Insira o IP obtido e clique na “Go”.

Poucas informações. De toda forma disse que o endereço IP pertence ao GOOGLE e devemos pesquisar no ARIN.

Os 58 países/localidades subordinados ao AFRINIC
Algeria, Angola, Benin, Botswana, Burkina Faso, Burundi, Cameroon, Cape verde, Central African Republic, Chad, Comoros, Congo, The Democratic Republic of the Congo, Cook Islands, Cote d’Ivoire, Djibouti, Egypt, Equatorial Guinea, Eritrea, Ethiopia, Gabon, Gambia, Ghana, Guinea, Guinea-Bissau, Kenya, Lesotho, Liberia, Libya, Madagascar, Mali, Mauritania, Mauritius, Mayotte, Morocco, Mozambique, Namibia, Niger, Nigeria, Reunion, Rwanda, Sao Tome and Principe, Senegal, Seychelles, Sierra Leone, Somalia, South Africa, South Sudan, Sudan, Swaziland, United Republic of Tanzania, Togo, Tunisia, Uganda, Western Sahara, Zambia e Zimbabwe.

ARIN

Por fim chegamos ao ARIN. Insira o IP obtido e clique em “>”.

Este claro, trouxe o bloco, proprietário e se observarem diretamente no site ARIN, também mostra o país, estado, cidade e em alguns casos e-mail para contato.

Os 29 países/localidades subordinados ao ARIN
Canada, Anguilla, Antigua and Barbuda, Bahamas, Barbados, Bermuda, Cayman Islands, Dominica, Grenada, Guadeloupe, Jamaica, Martinique, Montserrat, Saint Barthelemy, Saint Kitts and Nevis, Saint Lucia, Saint Pierre and Miquelon, Saint Vincent and the Grenadines, Saint Martin, Turks and Caicos Islands, Virgin Islands (British), United States, Puerto Rico, Virgin Islands (U.S.), United States Minor Outlying Islands, Antarctica, Bouvet Island, Heard and Mcdonald Islands e Saint Helena.

Como devem ter percebido, todas as RIRs estão interligadas entre si e com a IANA. A diferença é que uma não mostra tanta informação quanto a outra. Isso também pode ser feito com o seu endereço IP público. Veja seu IP através deste link. Dá pra saber alguns dados da operadora (ASN) que é dona do seu IP.

3 thoughts on “Whois IANA, LACNIC, RIPE, APNIC, AFRINIC e ARIN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *